Blog da Magda Vieira; Nutrição, Saúde e Bem-Estar

terça-feira, 24 de abril de 2012

Excesso na ingestão de refrigerantes aumenta risco de AVC


Pesquisadores do Cleveland Clinic's Wellness Institute e da Harvard University, nos Estados Unidos, afirmam que consumo elevado de refrigerantes (com açúcar ou light) está associado a um risco aumentado de Acidente Vascular Cerebral (AVC). Por outro lado, pesquisa sugere que consumo de café (comum ou descafeinado) está associado a menor risco de derrame. Pesquisas anteriores já haviam relacionado o consumo de refrigerantes à obesidade, diabetes, pressão alta, colesterol alto, gota e doença arterial coronariana.
A pesquisa analisou o consumo de refrigerantes entre 43.371 homens que participaram do Health Professionals Follow-Up Study entre 1986 e 2008, e 84,085 mulheres que participaram do Nurses' Health Study, entre 1980 e 2008. Durante esse tempo, 2.938 derrames foram documentados entre mulheres e 1.416 em homens.
Em refrigerantes, a carga de açúcar pode levar a um rápido aumento da glucose no sangue e insulina, que, ao longo do tempo, pode conduzir a intolerância à glicose, resistência à insulina, e inflamação. Estas alterações fisiológicas influenciam no desenvolvimento de condições como aterosclerose e trombose, que se configuram como fatores de risco para acidente vascular cerebral isquêmico. Resultados ainda fornecem evidências de que o risco de AVC relacionado ao consumo de refrigerantes é maior entre mulheres.
Em contraste, o café possui ácidos clorogênicos, lignanos e magnésio, que atuam como antioxidantes capazes de reduzir o risco de derrame. Quando comparada com uma porção de refrigerante, uma porção de café descafeinado foi associada a um risco 10% menor de acidente vascular cerebral.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Blog da Magda Vieira - 2013. Todos os direitos reservados.
Criado por: Giovanna Lacerda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo